Nossos Cursos

Violão Popular

São 4 ciclos compostos de duas fases cada.Aplicação do método Tocar Finalmente produzido na própria academia, empregado por várias escolas de música   em são Paulo e em outros estados. O acesso aos sites de música da internet e a adaptação das músicas às dificuldades do aluno, assim como a manutenção dos toques originais, tudo em tempo real. Aplicação do método Fazendo o Violão Falar, produzido na própria academia para os alunos em geral e, particularmente, para o público infantil, principalmente a parte 1. O emprego do Fascículo Gospel, revista produzida na própria academia, contendo louvores consagrados do meio evangélico.
 
 

Teclado

Teclado convencional (com o emprego dos recursos automáticos), teclado com técnica de piano popular com os métodos Iniciação ao Piano Popular e Manual do Campo Harmônico (a execução do teclado sem o emprego dos recursos automáticos), trabalhos estes, produzidas na própria academia. A transcrição para a pauta, das mais lindas canções do segmento gospel e evangélico, bem como as mais belas introduções do repertório popular, todos produzidos em aula e extraídos do computador diretamente para as mãos do aluno.
 
 

Violão Popular Técnico

É a evolução normal do curso de violão popular, objetivo natural de todo estudante do violão. Leitura e interpretação das cifras, da pauta (opcional) e da tablatura. O emprego dos itens do 2º ciclo do programa do curso de violão popular em diante (são quatro ciclos), envolvendo muita criação e recriação. O curso de violão popular técnico, destina-se aos profissionais (e amadores) que procuram a Cemus, em busca de um aperfeiçoamento.
 
 
 
 
 
 
 
 

Violão Erudito

Métodos produzidos por Henrique Pinto além das lições adaptadas e criadas na própria escola, impressas do computador direto para as mãos do aluno.

Guitarra

Acompanhamento, solo, improvisação, aplicação do Senso de Orientação Harmônica, trabalho de 105 páginas desenvolvido pela própria escola. A execução do campo harmônico de uma maneira nova, figuras melódicas adaptadas aos graus da estrutura harmônica onde forem realizadas.
 
 
 
 
 
 
  
 
 
 

Canto e Técnica Vocal

Fazendo uma distinção clara entre o canto e a Técnica vocal, a Cemus elaborou um micro-catálogo que, associado a uma Grade Melódica idealizada pelo professor Natanael Pedro, vem revolucionando o ensino do canto e da técnica vocal com frases como “Tanto o Canto Quanto a Técnica” e outras, para ser falada e cantada – articulação e trabalho melódico.
 
 
 
 

Regência

Os acordes (as vozes) se movimentam, preparam, geram expectativas, resolvem com maior ou menor força, resolvem parcialmente, deceptivamente, suspendem ou não resolvem, e assim por diante. É por isso que o curso de regência é necessário. Precedido, como se pode ver no texto acima, do conhecimento de notação musical, canto e harmonia.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Técnica e Interpretação Violonística

A transferência dos procedimentos de execução instrumental associadas ao violão erudito, para os alunos de violão popular em geral, que alcançarem este nível.

Cavaquinho

Neste curso, a experiência da Cemus com a didática, tem aberto os caminhos para alunos que não acreditavam que seriam capazes de executar o samba um dia, com tanta desenvoltura.
 
 
 
 
 
 
 
 
  
 
 
 

Contrabaixo 

O desenvolvimento de um trabalho próprio da escola, que vem produzindo excelentes resultados, com os exercícios impressos saindo diretamente do computador para as mãos dos alunos. Estes trabalhos estão em vias de serem condensados em uma só obra.
 
 
 
 
 
 
 

Harmonia Tradicional e Funcional

No estudo da harmonia tradicional, existe o claro objetivo de classificar os acordes incidentais ou propositais sem dar nenhuma justificativa para o seu emprego. Já no estudo da harmonia funcional, todos os acordes são apresentados ao aluno (ou pesquisador) como passiveis de uma explicação que dê sentido ao seu emprego. Neste caso os acordes aparecem no contexto harmônico em função de...daí o nome harmonia funcional. É com esta última opção que a harmonia aplicada à MPB, e outros gêneros musicais é estudada na Cemus. Contudo, não poderemos prescindir da harmonia tradicional, nos casos em que não forem encontradas respostas satisfatórias para os acordes sem nenhuma qualidade funcional.
 

Piano

Na execução do repertório clássico e erudito, a sensibilidade está sempre na ordem do dia. Pensando nisso, o Cemus adota vários métodos, principalmente o Leila Fletcher 1, 2 e 3, acompanhado por Cd, tornando as aulas ainda mais agradáveis.

A Escola

A música é o canal que nos liga verticalmente à Deus e horizontalmente às pessoas. A Cemus se propõe a ser o lado inclinado dessa tríade.

Ensino de Violão Popular e Erudito, Guitarra, Teclado Automático Convencional, Teclado com Técnica de Piano Popular, Piano Clássico e Popular, Baixo Elétrico, Canto e Técnica Vocal, Harmonia Tradicional, Funcional e Moderna, Composição e Regência.

 


Reconhecido como tradição, o Musicemus - espetáculo beneficente anual dos alunos, professores e convidados do CEMUS - Centro de Educação Musical - revela talentos em todas suas edições. Em consonância com a filosofia e consciência social da academia, além de abrilhantar os palcos por onde passa, ajuda instituições sociais com as doações que arrecada.



 

Contato

cemus@cemus.com.br
musicemus@terra.com.br

(11)4198-1128 | (11)4198-1240

Terça à Sexta das 08h00 às 21h00
Segunda e Sábado das 08h00 às 18h00


Facebook  |  Youtube